As melhores marcas anunciam aqui

As melhores marcas anunciam aqui

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

COMPESA vai voltar a abastecer Taquaritinga do Norte após pedido do gestor municipal

Os moradores de Taquaritinga do Norte vão voltar a receber água nas torneiras, após o período de mais de um ano em colapso devido a grande seca que a região passou nos últimos anos. A retomada do abastecimento pelas tubulações só foi possível depois que a Barragem de Mateus Vieira, único manancial que atende a cidade, foi beneficiada com as chuvas registradas, nas últimas semanas no município.

Segundo técnicos da COMPESA, a água que acumulou na barragem será o suficiente para abastecer a sede do município por oito meses. O prefeito Lero, o Subprefeito Gilson Carlos e os vereadores João Eugênio, Demir, Geovane e Oscar estiveram na sede da COMPESA no último dia 09/07/19 com DRª  Simone Albuquerque Diretora Regional do Interior da COMPESA onde solicitaram através de ofício a volta do reabastecimento da sede do município. 

Agora com o volume de água acumulado na barragem, o prefeito de Taquaritinga do Norte Ivanildo Lero, recebeu da COMPESA a notificação que a sede do município vai voltar a receber água nas torneiras. "É com grande satisfação que anunciamos a volta do abastecimento de água nas torneiras de Taquaritinga do Norte. Vamos primeiramente agradecer a Deus que mandou água para que isso fosse possível, mas também comemorar esse fruto de um trabalho que fizemos junto a COMPESA onde cobramos a volta do abastecimento de água para população de Taquaritinga do Norte. Mas o trabalho não para por aqui, vamos continuar trabalhando e correndo atras do abastecimento de água para Vila do Socorro, Pão de Açúcar, Gravatá e demais comunidades", falou o prefeito. 

A COMPESA garante a volta do reabastecimento de água nas torneiras de Taquaritinga do Norte até o final de agosto, depois de fazer o conserto das bombas que levarão a água até a sede atendendo toda população residente na sede do município. A COMPESA comunicou a prefeitura que o regime de abastecimento será de Regime de 20 dias com água e 10 dias sem água.

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

UPE INAUGURA NOVO CAMPUS EM SERRA TALHADA

Governador Paulo Câmara e o reitor da Universidade de Pernambuco, professor Pedro Falcão,  inauguraram o novo campus da UPE no município de Serra Talhada, no Sertão do Estado. Também prestigiaram a solenidade o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eriberto Gueiros, o secretário de Ciência e Tecnologia de Pernambuco, Aluísio Lessa, prefeito Luciano Duque e outras autoridades.

Serra Talhada  além de ganhar o campus definitivo da UPE, formou na última sexta-feira a primeira turma do curso de Medicina, uma alegria muito grande para os estudantes e seus pais, motivo de orgulho para os que moram na cidade sertaneja.

A nova estrutura da UPE  em Serra Talhada beneficia diretamente moradores de 24 cidades pernambucanas, além de estudantes de estados vizinhos, como Ceará, Bahia e Sergipe. O investimento do Governo de Pernambuco na estrutura foi R$ 5,2 milhões. 

Pedro Falcão,  reitor da UPE, disse que o curso representa a oportunidade de as pessoas do interior se formarem e se especializarem em suas cidades. "O que era um sonho para muitos, hoje, é realidade. Com certeza, nossa equipe vai trabalhar para trazer outros cursos superiores”, salientou.

Entre os municípios beneficiados com o campus da UPE em Serra Talhada estão Arcoverde, Belém de São Francisco, Cabrobó, Carnaíba, Caruaru, Ibimirim, Lagoa Grande, Limoeiro, Petrolina, Recife, São José do Egito, Serra Talhada, Surubim, São Lourenço da Mata, Santa Terezinha, Princesa Izabel, além dos estados do Ceará, Bahia e Sergipe (alunos matriculados); São José do Belmonte, Mirandiba, Carnaubeira da Penha, Floresta, Santa Cruz da Baixa Verde, Calumbi, Betânia.

FALTA DINHEIRO PORQUE FALTA GOVERNO


Do Jornalista Jânio de Freitas:
"O Brasil está sem dinheiro / os ministros estão apavorados / estamos aqui tentando sobreviver". Dessa vez Jair Bolsonaro não mentiu, mas não é bem como disse. O Brasil está sem dinheiro porque está sem governo. E sem governo não há país que sobreviva como algo que seja ainda considerado país.
Faltam dinheiro e governo porque, com a produção industrial em queda contínua, o comércio em queda, queda até nos serviços e o crescente desemprego, a arrecadação de impostos e outras contribuições não alcança o mínimo necessário. Colapso a que Paulo Guedes, Bolsonaro e os militares retornados assistem com indiferença imobilizadora há quase nove meses. A solução que Guedes pesca em sua perplexidade é o seu apelo por dois ou três anos de paciência.
Em economia não existe o conceito de paciência. Na vida dos países, muito menos.
Muito diferente foi o assegurado aos eleitores na campanha, pelo candidato, por Guedes, por consultorias e jornalistas do apoio a Bolsonaro. Durante meses, ouviu-se que já neste primeiro ano de governo o crescimento econômico seria de 3%, se não mais. Desde o primeiro mês de 2019, no entanto, as previsões foram submetidas a sucessivos cortes mensais. Ainda a quatro meses e meio do fim de ano, já estão em 0,8% ou menos, havendo quem admita 0% no final.
Esse resultado às avessas não se explica pelo mau legado de Henrique Meirelles e Temer, que, de fato, nada fizeram pela reativação da economia. Era por haver conhecimento geral daquela insanidade que o bolsonarismo buscava seduzir com os prometidos 3% de crescimento já. Além do golpe da internet, portanto, o estelionato eleitoral, na expressão criada por Delfim Netto.
Dois momentos da realidade devem ficar registrados. Um é que o problema econômico se apresenta em 2015, com a campanha aberta pelo derrotado Aécio Neves contra os esforços de Joaquim Levy e Dilma Rousseff para controlar os passos da economia. A campanha se transformaria no impeachment e transformaria a situação vivida pelo país desde 2004. 
Outro ponto a ficar bem registrado é que o pressentido tumulto recessivo na economia global, originado do governo Trump, não poderá ser responsabilizado por coisa alguma no Brasil. Se vier, encontrará o país já em estado de coma --hoje mesmo à vista de quem quiser notá-la. Não é à toa que o turista Bolsonaro se entrega a cafonices e leviandades todos os dias, para desviar atenções. Nem que Paulo Guedes volte a propor a venda da Petrobras, fazer um dinheirão, usá-lo como se fossem os recursos adequados e deixar o país outra vez em coma quando o dinheirão acabar —ainda antes da eleição presidencial.
São agora quatro anos de aumento da tragédia brasileira chamada pelo eufemismo de "desigualdade social ou econômica". A remuneração do trabalho caiu mais de 18%, em valores reais, para os que integram os 50% da miséria, da pobreza e do arremedo de classe média baixa. A derrocada não significou nada para Temer e Meirelles, em seu primeiro período, como indiferente é o segundo para Bolsonaro e Guedes. Porque, a tranquilizá-los e protegê-los, a renda do 1% mais rico subiu, no mesmo período, 9,5%. Levantamento imprudente da Fundação Getulio Vargas que confraterniza com a soma (parcial) de 13 milhões sem o emprego procurado.
Nenhum desses dados e assuntos esteve próximo dos escolhidos por Bolsonaro em sua safra atual de dejetos mentais. A preferência foi pelas fezes, citadas inúmeras vezes por meros anseios de uma coprofilia que, aliás, lhe fica bem.
Hospitais, universidades, bolsas de estudo, pesquisas científicas, setores importantes em geral sofrem mutilações letais em seus recursos orçamentários porque "o Brasil não tem mais dinheiro". Penúria que não impediu Bolsonaro de conceder R$ 3 bilhões, com a solidariedade de seus ministros civis e militares, no compra-e-vende para os deputados aprovarem a "reforma" arrochante da Previdência.
*Jânio de Freitas é um dos melhores e maiores jornalistas do Brasil. Assina coluna no jornal Folha de São Paulo/UOL. 
*Charge de Aroeira, reproduzida do site Conversa Afiada.

REELEIÇÃO: UM DIREITO QUE SE TORNOU UM DEVER!

Em nossa querida “Dália da Serra”, a dinâmica política, transformou um simples ano pré-eleitoral morno e tranquilo, numa pré-campanha antecipada e agitada. O vereador Geovane entregou a liderança do governo, o ex-vereador Luquinha que já sinalizava uma mudança de ala partidária resolveu concretizá-la, e, por fim, o ex-vereador, ex-secretário de articulação política Batata, desembarcou do governo para vestir a camisa azul. Essa sopa de acontecimentos deu o tempero da campanha municipal vindoura, fazendo com que algumas definições políticas tivessem que ser antecipadas. 

Dentre os grupos políticos formados até o momento, de um lado temos a Terceira Via com seu pré-candidato Fábio de Jairo, por outro lado os Gravatinhas já escalaram o time completo, o ex-prefeito Jânio Arruda e o empresário Bá, aguardam apenas o período das convenções partidárias para serem oficializados, no entanto, o grupo Calabar permanece alheio para a urgente necessidade de escalar o atual prefeito, isto com prazo pra ontem, sob pena de perder, e perder feio as próximas eleições. 

Muitos comentários surgiram sobre a possibilidade de Lero não disputar a reeleição, uns levavam a sério, outros não davam crédito. Dadas as circunstâncias de semanas atrás, tudo isso não passava de meras especulações políticas, porém o cenário mudou drasticamente, e rapidamente. Como já foi dito acima, a situação hoje é de pré-campanha, sendo certo dizer que pelo menos três candidatos a prefeito irão concorrer ao Palácio Municipal, como também é certo dizer que a única chance que o Calabar tem de se manter no governo, é pelo uso do método da reeleição. 

Respeitar o direito de reeleição do gestor tornou-se uma prática política comum no Brasil. Aplicando essa tese para as próximas eleições municipais, digo que o direito à reeleição transformou-se em um dever. Explico. Não há justificativas plausíveis, que amparem uma substituição no grupo situacionista. Administrativamente, o governo vai bem, manteve os serviços básicos em pleno funcionamento, necessitando apenas de mais obras estruturais nessa reta final, e dá tempo de se corrigir isso. Politicamente, houveram baixas importantes é verdade, porém nada irremediável, devendo ser dito
ainda, que atualmente não há nenhum outro soldado do grupo com capacidade eleitoral superior ao atual gestor. 

Para concluir, seja pelos acertos ou pelos erros cometidos, só restou ao prefeito Lero, o dever (moral) de enfrentar as urnas novamente, para encarar o necessário julgamento das urnas, vez que, não há justificativa válida para fazer o contrário. 


por BRUNNO RICELLI.

A forma que um governo trata o lixo diz muito sobre o interesse do gestor pelo futuro da cidade


quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Prefeitura de Taquaritinga do Norte fecha lixão que degradava ambiente e saúde da população rural

O dia 14 de Agosto de 2019 entra para história do município de Taquaritinga do Norte como um dos mais importantes, pois foi o dia que foi realizado de forma oficial uma das maiores ações, o encerramento das atividades do lixão.


Os transtornos causados pelo lixão além da degradação ambiental causavam verdadeiros transtornos para a zona rural de Taquaritinga o Norte, onde a fumaça causava danos à saúde dos moradores daquela área. A área de mais de 20 hectares de terra, onde funcionava o lixão, será recuperada de forma gradativa, pois por décadas recebeu os resíduos de todo município de Taquaritinga do Norte.



O Prefeito do município de Toritama, Edilson Tavares, esteve presente e elogiou a atitude do prefeito de Taquaritinga do Norte. "A maior obra de nossa gestão foi o fechamento do lixão que nos envergonhava todo dia, de certo prefeito Lero, essa é a maior obra de seu governo, eu tenho certeza que você tem muitas obras a mostrar, mas fechar o lixão, apagar uma nódoa negra que infelizmente macula a imensa maioria dos municípios não só do estado de Pernambuco mais também de nossa federação, pouquíssimos municípios podem bater no peito, encher a boca de orgulho e dizer a minha cidade não tem lixão, hoje os taquaritinguenses, vão poder ter esse mesmo orgulho, encher o peito e dizer a minha cidade não tem lixão a céu aberto, porque tem um prefeito de coragem, e é preciso fazer esse reconhecimento, parabéns prefeito lero", disse Edilson. 


Emocionado, o prefeito de Taquaritinga do Norte, agradeceu a todos que ajudaram em mais essa conquista, e agradeceu aos que ali estavam. "Quero primeiramente agradecer a Deus por poder permitir que esse dia maravilhoso chegasse, agradecer a nossa Diretora de Meio Ambiente Aline pelo empenho, e a todos os que aqui estão presenciando esse momento histórico. Nós não medimos esforços para que isso acontecesse, mas agradeço ao prefeito de Toritama, Edilson, que nos mostrou o caminho para chegarmos a esse dia. Agradeço também a participação do Ministério Público na pessoa de Dr. Hugo que também nos cobrou, que também nos mostrou o caminho, e juntos de mãos dadas de cabeça erguida conseguimos desativar esse lixão que tanto nos incomodava. E foi pensando no próximo, que hoje estamos fazendo esse grande feito para Taquaritinga. E quero anunciar, que nossa preocupação com meio ambiente não para por aqui, e que vamos replantar aproximadamente oito mil mudas nativas reflorestando nossa querida Taquaritinga do Norte. Isso é compromisso com o futuro de nosso município, isso mostra compromisso com o futuro de nosso povo. Divido essa alegria e essa satisfação com todo povo do pólo de confecções", disse Lero.


O lixo produzido em Taquaritinga do Norte está sendo destinado a um aterro sanitário localizado na zona rural de Caruaru  licenciado pelos órgãos ambientais.














segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Prefeitura de Taquaritinga do Norte inicia operação de recuperação de estradas vicinais

A Prefeitura de Taquaritinga do Norte começou na última sexta-feira (09) a recuperação de todas as estradas vicinais do município. O município possui mais cerca de 400 km, sendo o município da região com maior numero de estradas que necessitam de manutenção o ano todo.

De acordo com a Secretaria de Obras, o planejamento e execução dos serviços, neste primeiro momento estão sendo priorizadas as estradas consideradas com maior fluxo de veículos. Segundo o Secretário de Obras Damião Oliveira, todas as localidades vão ser contempladas. “estamos trabalhando nas estradas de maior trafegabilidade por onde é escoado mercadorias e passa ônibus escolar, mas no decorrer dos dias todas as estradas vão ser recuperadas. As máquinas não estavam trabalhando devido às chuvas que torna inviável  fazer a recuperação, mas assim que o período chuvoso passar irão recuperar todas as demais localidades, como fazemos sempre”, declarou Damião.

O prefeito do município, Ivanildo Lero, ressalta que o trabalho de recuperação de Estradas é feito diariamente durante todo ano e, com diminuição das chuvas nas últimas semanas, as máquinas voltaram à recuperação das estradas. “Mesmo com as dificuldades, este é um trabalho que não para e requer investimentos de recursos próprios da prefeitura. Estamos atentos às necessidades de cada região de nossa extensa zona rurais, sempre ouvindo a população e vamos continuar o trabalho de recuperação das estradas para melhorar cada vez mais as condições de tráfego em nossas estradas rurais”, ressaltou Lero.





sexta-feira, 9 de agosto de 2019

5º Edição do jogo dos políticos terá Mauro Shapoo no ataque de Taquaritinga do Norte

O já tradicional jogo dos políticos de Taquaritinga contra os políticos de Santa Cruz, acontecerá no próximo sábado dia 31 de Agosto em sua quinta edição. O jogo que este ano será disputado no campo do Ypiranga em Santa Cruz do Capibaribe,  dará o direito do time de Taquaritinga a jogar pelo empate. Nessa edição o evento terá muitos convidados, entre eles o  ex atacante do IBIS Mauro Shampoo e a Bela Deisy que formarão a dupla de ataque do time de Taquaritinga.

Todo ano políticos de outras cidades marcam presença como convidados como é o caso de Paulo de Lú de Vertentes, Danilson Prefeito de Feira Nova, Joãozinho Prefeito de São Joaquim e Derivaldo vereador de Toritama.

Além de todas essas estrelas da política estadual, vereadores de Taquaritinga do Norte e de Santa Cruz participarão do jogo, como também alguns vereadores de cidades vizinhas. O jogo já está sendo comentado nas principais malas políticas da região e esse ano vai certamente ser melhor que ano passado em sua quarta edição.

O time dos políticos de Santa Cruz tenta sua primeira vitória contra os treta campeões de Taquaritinga do Norte. 
 
Resultados anteriores:
 
Santa Cruz 2 x 2 Taquaritinga
Santa Cruz 0 x 0 Taquaritinga
Taquaritinga 5 x 3 Santa Cruz
Santa Cruz 1 x 2 Taquaritinga 
 
APOIO:










sexta-feira, 2 de agosto de 2019

Mabi Malhas



Prefeito Lero comemora o fechamento do lixão de Taquaritinga do Norte

O mês de agosto de 2019 entrará para história do município de Taquaritinga do Norte, é que a prefeitura vai fechar o lixão que agredia o meio ambiente e levava fumaça a boa parte das comunidades da zona rural do município.

Para o prefeito Lero, fechar o lixão é um marco de sua gestão. "É de uma alegria sem tamanho eu como prefeito conseguir essa grande ação que vai entrar para história do município de Taquaritinga do Norte. O fechamento do lixão de nosso município vai levar saúde para as populações das comunidades rurais que eram atingida quase que diariamente pela fumaça dos focos de incêndio do lixão e vai para de degradar o meio ambiente. Essa foi mais um de nossas lutas que conseguimos vencer", disse o prefeito.

Os resíduos serão levados para um aterro localizado dentro do município de Caruaru que tem toda as licencias ambientais de funcionamento.  Além dos ganhos ambientais e ganhos da saúde dos munícipes, Taquaritinga do Norte em breve vai passar a receber o ICMS ambiental
em razão do atendimento de determinados critérios ambientais.



Ainda há esperança

Não passou de Perua a notícia de que o Deputado Estadual Diogo Moraes teria anunciado sua pré candidatura a prefeito de Santa Cruz. Com isso Fernando um dos pré candidato da oposição segue firme e forte lutando contra o plano Maia de tentar rifá-lo.

Outro fator positivo de Fernando é que pela primeira vez ele tem apoio popular, diferente de Zé Augusto que está cada vez mais desgastado com condenações na justiça, a ultima deixando ele por três anos inelegíveis. 

Outro fator que pesa contra o plano de Zé de rifar Fernando é a administração de Augusto a frente da câmara municipal, um verdadeiro desastre. Enquanto isso Fernando segue na luta mostrando a população problemas da atual administração e como esses poderão ser resolvidos. 
 

Edson Vieira descarta Fábio de Jairo em Taquaritinga do Norte

O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira, em participação ao Programa Olhando de Frente desta quinta-feira(01-08), descartou qualquer possibilidade de apoiar Fábio em 2020 em Taquaritinga do Norte.

O prefeito chegou até a agradecer o apoio de Fábio a Alessandra Vieira em 2018 mas afirmou em bom som que "Fábio não". 

Edson teria ficado chateado com um vídeo de Fábio com o presidente da ALEPE Eriberto Medeiros.