As melhores marcas anunciam aqui

As melhores marcas anunciam aqui

segunda-feira, 20 de maio de 2019

IMPRENSA CONSERVADORA ABANDONA BOLSONARO


Imprensa conservadora e antipetista chegou à conclusão que Jair Bolsonaro não tem a menor condição de governar ao Brasil. Isso ficou claro, hoje, nos editoriais dos jornais Estão de São Paulo, Folha de São Paulo e o Globo, três dos veículos impressos mais tradicionais do Brasil.

Os três jornais, mais as revistas Veja e IstoÉ, deram as costas ao capitão e estão dizendo em suas capas, editoriais e reportagens que o Governo Bolsonaro caminha para o fim.

Quem deve estar satisfeito com a instabilidade emocional e o despreparo do presidente é o general Hamilton Mourão. Ele é o vice e no caso do impedimento do titular ele pode assumir o comando do país.

Transcrevemos a seguir o editorial de O Globo, desta sexta-feira, que foi simplesmente demolidor em cima do governante brasileiro.

"Não passa um dia sem que a corte de Jair Bolsonaro cometa um atentado contra seu próprio patrimônio. A ação deletéria do círculo mais próximo do presidente é cruel, e em alguns casos, ridícula. Já foram escritas algumas milhares de páginas gloriosas relatando graves e disruptivos equívocos históricos que ao longo dos tempos destruíram reis, imperadores, ditadores, presidentes. Uma nova página está sendo escrita nestes dias no Brasil. Esta, porém, não tem uma gota sequer de glória. Ela é composta apenas por erros pernósticos e grosseiros.

Um elenco de erros que ultrapassa o limite do bom senso. O pacote de bobagens começou a ser oferecido já na posse, quando o filho mais mimado do presidente abancou-se no Rolls-Royce presidencial. Parecia uma coisa juvenil, sem maior importância. Não era, como verificou-se em seguida, quando o menino demitiu o primeiro ministro do pai. A partir daí, o país acompanhou atônito uma sequência de episódios capazes de arrasar qualquer reputação. Aos poucos, a República do Tiro no Pé foi se consolidando no entorno do presidente e hoje está instalada de maneira inequívoca e soberana no Palácio do Planalto.

Dos eventos que tornam difícil o trabalho dos bombeiros de Brasília, o mais impressionante é o tratamento que o governo dá à educação. Primeiro, nomeou um maluco desprovido de bom senso que iniciou sua breve jornada na Esplanada dizendo que brasileiro é um ladrão canibal quando viaja ao exterior. Depois, indicou um sucessor mão de tesoura que anunciou um corte bilionário no orçamento das universidades em nome de um revanchismo cego e tolo. Nem o mais leal bolsonarista consegue entender uma medida como esta, a menos que imagine estar assim nivelando o Brasil ao seu próprio patamar. E ache isso bom.

Na política externa, o governo tomou todos os atalhos que o manual do bom diplomata condena. Na área ambiental, nadou e segue nadando contra a maré global. Nem a China, país mais poluidor do mundo, foi tão longe no descaso com o meio ambiente. Não vale a pena falar da senhora que viu Jesus numa goiabeira, nem do cavalheiro que comprou um laranjal em Minas, ambos ministros do governo Bolsonaro.

Melhor se concentrar na política. Em menos de cinco meses, Bolsonaro teve tantas indisposições nesse campo que já está tomando café frio. Não ganhou um embate importante no Congresso. Depois de ver estraçalhada sua proposta de reforma administrativa na comissão criada para analisá-la, o governo experimentou uma derrota fragorosa ao tentar impedir que o ministro mão de tesoura fosse convocado para se explicar na Câmara. Enquanto ele dava vexame no plenário, escolas ao redor do país pararam e foram às ruas em protesto contra o governo. Nem Temer no pior de seus dias foi tão mal.

Ao lado das questões graves, há outras patéticas. Imaginem dois líderes de partidos aliados recusando chamamento do presidente da República para irem ao Palácio conversar. Os “famosos” Elmar Nascimento (DEM) e Arthur Lira (PP) agradeceram convite feito pelo líder deputado major Vitor Hugo (PSL) e não foram ouvir Bolsonaro. Caso raríssimo na história da política nacional, o Centrão disse não ao governo. Logo o Centrão, que faz das tripas coração para estar sempre ao lado de quem dá as cartas e solta as verbas.

Além disso, os três filhos continuam azucrinando. O mais velho, o 01, teve seu sigilo bancário e fiscal quebrados e antes do fim do ano estará experimentando o calor abrasador do inferno, e incendiando o governo. O mimado, o 02, agora está torpedeando os ministros Onyx, Moro e Guedes, porque não suporta nenhuma sombra maior que a sua ao lado do papai. E, finalmente, o 03 disse que o Brasil deveria ter sua bomba atômica para ser levado mais a sério. Quem não pode ser levado a sério é o 03.

E, claro, o presidente pode sempre contar com a inestimável colaboração de Olavo de Carvalho, a cereja no topo do bolo. Se os filhos afastam do pai os ministros políticos e técnicos, Olavo afugenta os militares. O perigo do isolamento de Jair Bolsonaro é real. Para quem faz tudo para parecer que somente a derrota interessa, o caminho para o fracasso não poderia estar mais aberto e desimpedido."

quinta-feira, 16 de maio de 2019

Obras de calçamento da Beira Rio em Taquaritinga do Norte estão a todo vapor

Uma das prioridades de infra estrutura da administração Lero e Gena, é a obra de calçamento no bairro Beira Rio em Taquaritinga do Norte. A pavimentação trará mais qualidade de vida aos moradores, além de melhorar o tráfego de veículos e a passagem de pedestres.
Além da Beira Rio, estão programadas calçamento em Ruas do Bairro Silva em Taquaritinga do Norte, Pão de Açúcar e Bairro Marília. O prefeito Lero falou da importância da obra para mobilidade. “É com satisfação que conseguimos dar andamento ao calçamento do Bairro Beira Rio, pois é uma importante Rua que liga todo o Bairro. O calçamento tem o poder de melhorar de imediato a qualidade de vida da população melhorando também a mobilidade”, falou o prefeito.

A construção da obra só está sendo possível graças ao trabalho do prefeito Lero que foi em busca dos recursos para execução da obra. O ritmo intenso de trabalho tem resultado na celeridade que vem sendo concluída a pavimentação da Beira Rio.

quarta-feira, 15 de maio de 2019

Transmissão ao vivo da CPI do calçadão

Prefeito Edson Vieira vai conversar com o juiz quinta-feira sobre a realização do São João da Moda


O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira, esteve na noite desta terça-feira 14 na escola do SENAI em Santa Cruz. O prefeito esteve ao lado da vereadora Jessica Cavalcante visitando as salas de aula.

Em uma das salas uma aluna perguntou ao prefeito sobre a realização do São João da Moda 2019, o prefeito respondeu a aluna que na próxima quinta-feira estaria se reunindo com o juiz às 13h para tentar solucionar o problema.

PAULO CÂMARA AUMENTA RECURSOS DA EDUCAÇÃO

Enquanto o presidente Jair Bolsonaro (PSL) corta recursos da educação e põe em risco o funcionamento das universidades brasileiras, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), faz exatamente o contrário e aumenta o investimento no ensino superior.

Câmara usou o Twitter, nesta terça (14), para anunciar um reforço de 26% no orçamento da Universidade de Pernambuco.

Orçamento da UPE em 2018 foi de R$ 21,6 milhões e este ano saltou para 27,2 milhões.

"Educação é a maior prioridade da nossa gestão. Pernambuco e o Brasil só vão superar essa crise investindo do ensino básico ao superior”, escreveu o governador usando a ferramenta da internet para explicar o reforço financeiro na universidade pernambucana.

Professor Pedro Falcão, reitor da UPE disse que Paulo Câmara se mostra bastante sensível sobre a importância da universidade, que no Estado espalha conhecimento na Região Metropolitana, no Agreste, Zona da Mata e Sertão.

TEMA DE LARA PARA DOUTOR JIVAGO

Por Altamir Pinheiro

Dr. Jivago, filme que marcou a juventude de muita gente... Linda música para um lindo filme...

Dr. Jivago, com uma trilha sonora imortal como também uma saga muito linda ou uma narrativa espetacular, foi filmado em 1965 e conforme nos relata o pesquisador Paulo Telles, para encarnar o papel-título, caracterizado pelo seu desprendimento das coisas, refinamento e nobreza, a escolha recaiu sobre OMAR SHARIF que morreu em 2015 aos 83 anos, ator de grande força e presença. Geraldine Chaplin foi convocada para viver Tonya, esposa de Jivago, mas não demorou, suscitou imediatamente uma onda de comentários maldosos. Segundo as más línguas (e infelizes), o único mérito da atriz era por ser filha de Charles Chaplin e que toda sua arte resumia-se nisto. Contudo, estes boatos (por sinal, burros) foram desmentidos violentamente por David Lean, que afirmou tê-la escolhido pela excelente qualidade de seus testes feitos para o papel antes do contrato.

O filme conta sobre os anos que antecederam, durante e após a Revolução Russa pela ótica de Yuri Zhivago (Omar Sharif), um médico e poeta. Yuri fica órfão ainda criança e vai para Moscou, onde é criado. Já adulto se casa com a aristocrática Tonya (Geraldine Chaplin), mas tem um envolvimento com Lara (Julie Christie), uma enfermeira que se torna a grande paixão da sua vida. Lara antes da revolução tinha sido estuprada por Victor Komarovsky (Rod Steiger), um político sem escrúpulos que já tinha se envolvido com a mãe de Lara, e se casou com Pasha Strelnikoff (Tom Courtenay), que se torna um vingativo revolucionário. A história é narrada em flashback por Yevgraf de Zhivago (Alec Guiness), o meio-irmão de Yuri que procura a sua sobrinha, que seria filha de Jivago com Lara. Enquanto Strelnikoff representa o "mal", Yevgraf representa o "bom" elemento da Revolução Bolchevique.

No filme há uma crítica severa a respeito do regime comunista. O cinéfilo Telles nos alerta para um detalhe importante: “Podemos notar também o discurso de crítica ao sistema socialista nas cenas anteriores e posteriores à revolução. Antes da revolução é mostrada uma Rússia com uma aristocracia rica, belos salões, culta e, até mesmo, despreocupada”. O que é verdade, pois o próprio Jivago é um médico e poeta aristocrata de sucesso. Após a revolução, todo o cenário e a sociedade até então elitista, se empobrecem. Inclusive Jivago, que perde as propriedades e acaba pobre e doente. Este percurso da trama descreve o senso comum de que o socialismo divide a pobreza e a miséria, corroborando ser um método político promotor da desgraça, assim mostra o filme do diretor David Lean.

O filme do diretor David Lean, em mais de 3 horas de projeção, comprime-se com o volumoso romance do russo Boris Pasternak, um dos primeiros escritores dissidentes da União-Soviética. Pasternak começou a escrever o romance em 1946 e levou dez anos para concluí-lo. Ao terminar, ficou inseguro se devia publicá-lo, pois a obra contrariava as normas ditadas pelo governo soviético para a literatura. Sem condições de publicar seu romance em terras soviéticas, o livro foi publicado na Itália a 23 de novembro de 1957, conseguindo rápida notoriedade em 1958, quando lhe foi conferido o Premio Nobel de Literatura. Infelizmente, por imposição do Kremlin, Pasternak não pôde aceitar a láurea, pois caso fizesse, isso poderia levá-lo à detenção em um campo de trabalho forçado na Sibéria.

A obra literária foi proibida na União Soviética até 1989, quando a política de abertura de Mikhail Gorbachev liberou a publicação do livro. Somente a partir daquele ano, os russos puderam conhecer a saga de Jivago através da literatura. Boris Pasternak morreu a 30 de maio de 1960 de câncer de pulmão, sem poder assistir ao estrondoso sucesso da adaptação cinematográfica de seu famoso e imortal romance. Na Rússia, Boris é mais conhecido como poeta do que como romancista, em virtude de o livro Doutor Jivago não ter feito sucesso na antiga União Soviética por motivos obviamente políticos.

Deixando o regime totalitário russo de lado, quem já assistiu a essa nobreza de fita deve se recordar de sua beleza plástica, seu elenco, a enormidade de sua história e a música (Tema de Lara), que até hoje ainda se ouve com todo o interesse de antes acompanhado de um reconfortante saudosismo. Na década de 1970/80 o filme foi uma febre ao ser lançado nos nossos cinemas, tudo isso, pela fama de sua trilha sonora. Essa exuberante película cinematográfica foi filmada na Espanha, Canadá e Finlândia. A música, composta por Maurice Jarre, assim como o filme, são dois espetáculos muito bem percebíveis pela sensibilidade humana. Transportando-nos ao passado ficamos a imaginar: quanta gente nesse mundão de meu Deus não foi levada ao altar para se casar ao som de TEMA DE LARA...

Ao se ouvir a relaxante melodia, Tema de Lara, os pensamentos flutuam no ar fazendo círculos através de suas notas, descrevendo o frio, a solidão de terras distantes e da beleza daquelas paragens. Na verdade, o tema dá um ar de saudades de um lugar que nunca se esteve lá. Pois bem!!! Embale a alma com essa harmoniosa valsa muito bem orquestrada e tocada no mundo inteiro, assistindo ao vídeo abaixo à saga de Lara e Yuri com lindas paisagens da Rússia, uma lição ou uma viagem de emoção pela cultura russa, seus poetas, escritores e sua história milenar...

Assista ao vídeo:

quinta-feira, 9 de maio de 2019

Prefeitura de Taquaritinga do Norte paga retroativo de professores em parcela unica

A Prefeitura de Taquaritinga do Norte realizou na sexta-feira, 09, o pagamento do retroativo integral do Piso dos professores da rede pública municipal. De acordo com o Secretário de Educação do município, Marcos Augusto, vai entrar na economia do município cerca de 150 mil reais. "Assinamos o pagamento do retroativo em uma única parcela para nossos professores, que tem levando Taquaritinga a ter a melhor educação do pólo de confecções, e esse mês os professores já recebem o salário com aumento. Outro fator positivo o que vai entrar no comércio de Taquaritinga do Norte cerca de 150 mil reais", falou  Marcos. 

O prefeito Lero tem buscado melhorar a educação e a saúde do município, que tem se destacado no pólo de confecções. São investimentos como esse incentiva e da condições para que o professor tenha condições de levar a educação do município ao patamar de melhor do pólo de confecções. “Desde o início de nossa gestão temos dado prioridade a saúde e educação, por isso hoje Taquaritinga do Norte tem a melhor educação do Pólo de Confecções. E hoje os professores de Taquaritinga estão recebendo o retroativo em uma única parcela”, informou o prefeito.

Bolsonaro bloqueia 44% do orçamento das Forças Armadas


O Ministério da Defesa confirmou nesta terça-feira (7) o bloqueio de R$ 5,8 bilhões no orçamento das Forças Armadas, O valor foi anunciado pela manhã pelo presidente Jair Bolsonaro aos militares e corresponde a 44% do orçamento total destinado a Marinha, Exército e Força Aérea.

"Tal bloqueio, no momento, não impõe necessidade de mudanças na operacionalidade do Ministério da Defesa", afirmou a pasta, que diz trabalhar com a expectativa de "recuperação da economia e reequilíbrio do orçamento brevemente".

Além do corte das verbas para as Forças Armadas, o encontro fechado pela manhã discutiu programas e projetos para Marinha, Exército e Força Aérea. A reunião inicial não contou com a presença de Bolsonaro, que chegou ao local para almoçar com as autoridades e falar a respeito do contingenciamento.

quarta-feira, 8 de maio de 2019

Secretaria de Educação comemora os 132 anos de emancipação de Taquaritinga do Norte com vários eventos


No próximo dia 10 de maio Taquaritinga do Norte está completando 132 anos de emancipação política. A Secretaria de Educação do município realizou e estar realizando diversas atividades durante a semana de emancipação.


De acordo com o secretário Marcos Augusto, nas escolas do município foram realizadas  atividades culturais como homenagens, eventos culturais de versos e prosas além da realização da II Exposição de Escritores, Poetas e Cordelistas.

As comemorações tiveram início na segunda-feira (06) com torneio de futsal das empresas de Taquaritinga do Norte. Vários jogos bem disputados e um bom público presente. As equipes finalistas foram: Taquara da Sorte x Prefeitura Municipal, a final será realizada na próxima quinta (09/05).

Na terça-feira (07), foi vivenciado no Centro Comercial Demétrio Paes de Andrade um momento de literatura muito enriquecedor, com apresentação de peças, declamações de poemas e cordéis realizados pelos alunos da Rede Municipal, Estadual e Privada. O evento também contou com a presença de artistas da terra como Higino Souza e Gildo Siqueira, Roberto Celestino, Wilma Tôrres, Lia Lucena e Américo. O Prefeito do Município Ivanildo Mestre e o Secretário de Educação Cultura e Esporte Marcos Augusto estiveram presentes acompanhados de Secretários Municipais.

Ainda na terça-feira (07), aconteceu o torneio de voleibol na Quadra de Esportes Padre Estanislau Pires da Silva que contou com a participação de 06 times, 02 femininos e 04 masculinos, teve início às 18h. A final será na próxima quinta-feira (09), onde serão definidos os vencedores da modalidade.

Escola Chefe Leandro na Comunidade do Jerimum em Taquaritinga do Norte, continuou com sua programação da semana homenageando a Dália da Serra com o tema: "Taquaritinga te amamos de coração" com artistas, cantor, poetas e cordelistas da nossa terrinha, onde foram homenageados Joãozinho Aboiador ,Gilson Lucena e Luiz Camarão.

As comemorações continuam nessa quarta-feira (08) com torneio feminino de futsal. Na quinta-feira a final do torneio das fábricas e handebol e na sexta-feira dia 10 de maio a grande corrida rústica saindo da comunidade de Placas até o centro da cidade. E a noite a programação segue com shows de Davi Firma e Gleydson e Henrichy.







segunda-feira, 6 de maio de 2019

PDT de Santa Cruz começa articulações para 2020

O PDT de Santa Cruz vem crescendo a cada dia rumo a 2020. O Presidente da sigla no município tem se articulado e está formando uma chapinha que pretende fazer de 2 a 3 vereadores. 

Na noite desse domingo 05 os membros do partido estiveram com o ex vice prefeito Dimas Dantas presidente do PP em Santa Cruz. Dimas ouviu as ideias do PDT e aprovou. PP e PDT poderão se coligar e lançar uma candidatura a prefeito em 2020.

Vários suplentes de vereador das duas alas tradicionais de Santa Cruz estão procurando o PDT para se filiar, e disputar a eleição pela chapinha proposta pelo grupo.  

Prefeito oficializa entrega de ambulância no Algodão

A prefeitura de Taquaritinga do Norte, na última sexta-feira 03 oficializou a entrega da ambulância na comunidade do Algodão. O veículo que já atendia a população, agora passa a ficar na comunidade para facilitar o acesso da população  . 

De acordo com o prefeito, este era uma demanda da população como também a escolha do motorista que foi uma escolha da população.  Outra novidade é a parceria com a Associação dos Agricultores e Moradores que vai ser o ponto da ambulância durante o dia. 

Para a secretária de Saúde, Poliana Santana, a prefeitura tem investido em saúde e educação na comunidade do Algodão e, sem dúvida, esta contribuindo para melhor qualidade de vida da população do Algodão. "Hoje começamos essa parceria com a Associação e a comunidade do Algodão, isso mostra a forma democrática que o prefeito esta administrando o município. O Algodão tem recebido muitos investimentos na área de saúde e educação além de ter suas estradas mantidas em perfeito estado de conservação" disse Poliana.





Além do prefeito participaram o vereador Eraldo de Pedra Preta, os presidentes das associações das comunidades vizinhas e Chico Carola presidente da Associação do Algodão. "Essa é uma conquista nossa, sem cor partidária, agradeço ao prefeito por ter atendido esse pedido de todos", disse Chico.

A Ambulância já atendia a população, mas ficava em uma comunidade vizinha dificultando o acesso, mas agora com a parceria, o carro com um motorista da comunidade vai melhorar o acesso do povo ao carro.  




ESTUDANTES CRITICAM CORTES NAS UNIVERSIDADES

A União dos Estudantes Secundaristas de Garanhuns – UESG vem, por meio desta nota, repudiar os retrocessos na educação pública brasileira promovidos pelo governo do presidente Jair Bolsonaro que, após extinguir cargos, funções e gratificações na administração pública que atingiu principalmente as universidades federais, o governo federal anunciou o prejudicial corte de 30% do orçamento das universidades e institutos federais de ensino.

A medida tomada pelo governo prejudica Garanhuns, em especial, a Universidade Federal do Agreste de Pernambuco – UFAPE, criada ano passado em Garanhuns, além de impossibilitar a funcionalidade do Instituto Federal de Pernambuco – IFPE.

A Universidade Federal Rural de Pernambuco – UFRPE anunciou que caso o bloqueio de R$ 55,8 milhões anunciado pelo governo Bolsonaro permaneça, parte das atividades do segundo semestre poderão ser canceladas.

Os retrocessos também atingem a educação básica, uma vez que, cerca de R$ 2,4 bilhões que estavam previstos para investimentos em programas da educação infantil ao ensino médio foram bloqueados.

O governo federal tem se mostrado inimigo da educação pública brasileira. 

É fundamental que os estudantes, professores e toda sociedade civil se mobilizem para barrar esses retrocessos. Precisamos ocupar as ruas!

Nós estaremos atentos a essa questão e reafirmamos o compromisso histórico da UESG em defesa da educação.

*Thiago Dantas – Presidente da UESG.
*Gustavo Henrique – Diretor de Comunicação.

sexta-feira, 3 de maio de 2019

MINISTRA DAMARES É HOSTILIZADA EM SERGIPE


A ministra da Família e Direitos Humanos, Damares Alves, esteve em Sergipe, esta semana, para receber o título de cidadã do Estado.

Visita, no entanto, não foi tranquila. Movimento de Mulheres de Sergipe fizeram muito barulho para mostrar que a ministra do Governo Bolsonaro não era bem-vinda e não merecia ser homenageada.

Confira o relato abaixo:

A Ministra Damares Alves não dormirá hoje (02 de maio de 2019), e se arrependerá de ter pisado os pés em Sergipe, apesar de ela dizer em entrevista que pretende morar aqui.

Um grupo de mulheres e também jovens homens desestabilizaram a cerimônia de entrega de título de "cidadã" sergipana para ela. Não demos trégua, do início ao fim do ato.

Ela adentrou o Plenário da Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe - ALESE debaixo de vaias, cartazes e faixas com frases expressando nosso protesto, palavras de ordem de "fora Damares"; "não nos representa"; "em defesa de todas as vidas"; "não existe vida sem democracia"; "Sergipe não elegeu Bolsonaro"; "machistas, fascistas não passarão"; "sua Bíblia não é nossa constituição", dentre outras.

Os discursos foram abafados pela manifestação do movimento de mulheres, inclusive o da Ministra, que foi inaudível e curto, caracterizando conclusão antes do previsto.  Durante a solenidade distribuímos o Manifesto "Mulheres em Defesa de Todas as Vidas".

Ao término, gritamos Lula Livre e descemos da galeria de mãos dadas, bradando: ninguém solta a mão de ninguém! Já no hall de entrada deitamos os cartazes, fizemos uma roda e entoamos com muito gosto, em alto e bom som, o hino que caracterizou o movimento feminista no Ato Internacional do "Ele Não ", na campanha eleitoral de 2018, contra Bolsonaro.

"Uma manhã,  eu acordei, e ecoava ele não,  ele não,  não,  não! Uma manhã,  eu acordei, e lutei contra o opressor!  Somos mulheres, a resistência, de um Brasil sem fascismo e sem horror! Vamos à luta pra derrotar, o ódio e pregar o amor"! Quando nos juntamos, ninguém nos derruba! Um dia feliz, de força e resistencia! Só a luta nos garante! Até a próxima batalha! Grande abraço,

Pureza Sobrinha - União Brasileira de Mulheres - UBM/Sergipe.

Prefeito Lero representou Taquaritinga na abertura do festival do jeans em Toritama

Na noite da última quinta-feira (02/05) o prefeito de Taquaritinga do Norte (Lero), esteve prestigiando a abertura da 18ª edição do Festival do Jeans de Toritama. Acompanhado de assessores, e secretários, Lero foi recepcionado pelo prefeito Edilson Tavares. 

Além do chefe do executivo de Taquaritinga do Norte marcaram presença e deputado federal Raul Henry, Tony Gel deputado estadual, Edson Vieira prefeito de Santa Cruz, Secretário de Infraestrutura de Pernambucano Bruno Schwambach, Alessandra Vieira deputada estadual, Joãozinho prefeito de São Joaquim e autoridades de Toritama. Lero assistiu ao desfile que marcou oficialmente a abertura do evento. "Quero desde de já agradecer ao prefeito Edilson pela receptividade e parabenizar a todos os envolvidos no evento", disse Lero. 



Campanha de vacinação contra vírus influenza (Gripe) tem Dia D neste sábado (4) em Taquaritinga do Norte

 

A prefeitura de Taquaritinga do Norte através da Secretaria de Saúde terá seu Dia D da campanha de vacinação contra gripe no próximo sábado (4). Nessa data, todas as sete unidades de saúde do município estarão abertas das 8h às 17hrs, para atendimento à população.

A campanha tem como público alvo crianças de seis meses a menores de seis anos-cinco anos, 11 meses e 29 dias-, mães de bebês recém-nascidos até 45 dias após o parto, trabalhadores da saúde, idosos, grávidas, professores de escolas públicas e privadas e pessoas com doenças crônicas.

A vacinação segue até o dia 31 de maio para todos os públicos. Além dos PSFs, equipes da secretaria de saúde estão indo até os pacientes para aplicar a vacina. Além dos sete PSFs a Secretaria de Saúde também vai montar um Posto de vacinação no Centro Comercial em Taquaritinga do Norte.

Confira o endereço da cada unidade de saúde do município:

*Psf Ana Luiza Rua Raul De Souza Amaral Centro - Taquaritinga do Norte; 

*Psf CAIC  Rodovia PE-160, s/n, (prédio do CAIC) Sítio Jucá-Taquaritinga do Norte; 

*Psf Vila do Socorro Rua do Colégio - Vila do Socorro; 

*Psf Gravatá do Ibiapina Rua do Comércio - Distrito de Gravatá do Ibiapina; 

*Psf Jerimum  Rua Tancredo Neves - Vila do Jerimum, 

*Psf Elias Tavares Rua José Juventino da Silva e Psf Badoque Rua Bela Vista Bairro Badoque ambos no Distrito de Pão de Açúcar.

Queiroz garante legenda para projeto independente do PDT em 2020 em Santa Cruz do Capibaribe

O PDT (Partido Democrático Trabalhista) está com novo presidente em Santa Cruz do Capibaribe, capital do Pólo de Confecções. Martins assumiu a legenda e reafirmou que a meta é lançar chapa completa para as eleições municipais em 2020 por uma VIA alternativa das duas tradicionais alas políticas. “Vamos fazer uma chapinha para vereador, com candidatos novos, nomes novos na política, e já iniciamos conversas com Alan Carneiro para que também possamos lançar candidato a prefeito e vice”, explicou Martins.


Na manhã desta sexta-feira (03), integrantes da nova diretoria estiveram com o deputado Estadual José Queiroz na sede do partido em Caruaru para acertar os últimos detalhes. Queiroz garantiu o diretório e deu autonomia ao grupo que esta iniciando na capital do Pólo de confecções. "Sempre quis que o PDT tivesse um candidato independente em Santa Cruz, por isso vocês tem liberdade para trilhar o caminho", falou o deputado.  

Nos próximos dias o partido pretende fazer um evento de filiação com a presença de Queiroz e Woney deputado estadual e federal, além de lançar o nome de Alan como pré candidato a prefeito de Santa Cruz do Capibaribe.

Além de Martins estiveram presentes na reunião Jorge Melo e  Sandro Clemente. O PDT de Santa Cruz hoje é o partido mais organizado da capital do Pólo de Confecções e em 2020 vai fazer de 2 a 3 vereadores.


quinta-feira, 2 de maio de 2019

REINALDO AZEVEDO ESCREVE QUE LULA É ADMIRÁVEL


Do jornalista Reinaldo Azevedo, na Folha de São Paulo:


Goste-se ou não de Lula, o fato é que ele tem no sangue, nos gestos, no olhar, na linguagem, nos esgares, o prazer da política. Falar sobre o assunto, como se viu na entrevista concedida aos jornalistas Mônica Bergamo e Florestan Fernandes Jr., da Folha e do El País, respectivamente, o revigora. E, nesse particular, ele é o oposto de Jair Bolsonaro. Erre ou acerte, o petista, à diferença do atual presidente, é dono de uma fala caudalosa, que remete a vivências várias — dos palácios e das ruas —, articulando memórias, conectando-as com ideias que estão por aí, em trânsito e em choque. Faço um registro gramatical. Assisti à entrevista em busca de anacolutos, de expressões soltas, de palavras sem função sintática que atravancam o discurso. Nada! A fala é límpida — isso independe de o ouvinte, ou espectador. Aprovar ou reprovar o que ele diz.

Louvem-se, assim, de saída, a sua resiliência e, à diferença do que afirmou o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), a sua sanidade mental. Não se percebeu, em nenhum momento, sinal de confusão, de perda do fio, de palavras ao léu. Reitero: não estou entrando no mérito do que disse Lula. Em uma hora e 54 minutos de entrevista, por exemplo, não há sombra de autocrítica na sua fala — ou, vá lá, de crítica ao modo como o PT se conduziu no poder. Sim, compreendo a circunstância. Preso desde 7 de abril do ano passado, é a primeira vez que fala com liberdade. Fez um uso político do tempo. Não vou censurá-lo por isso. Ainda voltarei a esse tema. Quero me ater, por ora, à sua resistência.

Poucos, caminhando para ninguém, suportariam com tanta dignidade o reverso da fortuna. Há pouco mais de oito anos, ele deixava o governo como o presidente mais bem-avaliado da história. Na sua passagem pelo poder, fez-se uma liderança mundialmente respeitada, reverenciada por governantes das mais variadas tendências e de todos os quadrantes do planeta. No front interno, governou praticamente sem oposição — excetuando-se o DEM e o PSDB. A elite brasileira que hoje lhe vira as costas praticamente se ajoelhava a seus pés. Este cronista que escreve agora era das poucas vozes dissonantes, o que levou o líder petista e pespegar em mim a pecha de “blogueiro falastrão” num encontro com petistas. Não era fácil enfrentar a patrulha organizada dos seus partidários e admiradores. Mas não vou me ater a isso não.

Contrasto aquele que chegou a ser tratado quase como um imperador absolutista com o presidiário de agora, recolhido a uma cela — que ele prefere chamar “sala” —, em absoluta solidão, vendo o mundo pelo noticiário de TV, preenchendo as suas horas, como disse, com filmes que lhe passam em pen drives, longe da verdadeira cachaça de que é dependente: não é a pinga, mas a política. Em dois anos, viu morrer a mulher, Maria Letícia; o irmão de que era mais próximo, Vavá, e, supremo sofrimento, o neto Arthur, de apenas sete anos.

Já vi gente se debulhar em lágrimas de autocomiseração por muito menos e por contrastes bem mais suaves, não conseguindo suportar com altivez revezes muito mais brandos. Lula, e qualquer especialista em saúde mental certamente poderá atestá-lo, está inteiro. E pediu aos jornalistas que não fizessem o registro de um homem alquebrado. Enfrentou com frieza a primeira e dura questão de Mônica Bérgamo: está preparado para não sair da cadeia? E, ainda que se mostre compreensivelmente obcecado por sua absolvição, a resposta inequívoca é “sim”.

SEM PROVAS

Este é um post que tem o objetivo de fazer, sim, o elogio da resiliência demonstrada pelo ex-presidente. Tanto mais porque ele foi, com efeito, condenado sem provas. Já fiz este desafio aqui e o repito: que alguém aponte, então, na sentença de Sérgio Moro onde está a comprovação da denúncia feita pelo Ministério Público Federal, segundo quem o tal tríplex de Guarujá era propina decorrente de três contratos com a Petrobras celebrados por consórcio integrado pela OAS. Não existe nem sombra de evidência. E o próprio Sérgio Moro foi obrigado a reconhecer isso, deixando escrito, com todas as letras, que inexiste liame entre o imóvel e os tais contratos. O TRF-4 manteve a condenação e reduziu a pena sem enfrentar a questão. Agora a Justiça de São Paulo reconhece que Marisa Letícia efetivamente pagou à Bancoop por cotas de um apartamento e que desistiu da aquisição. Tanto é assim que a sentença determina que o dinheiro seja devolvido. Nunca se viu propina em que é o beneficiário — o corrupto passivo — a pagar mensalidades ao corrupto.

Estou longe de ter a certeza que tem Lula de que vai deixar a cadeia. A forma como a Lava Jato e seus braços urdiram os processos não o autoriza a ter muitas esperanças. Mas ele tem um vício, lembram-se? É a política. Não entregar os pontos é a forma que encontrou de manter a sanidade mental e espiritual. E isso, por si, o torna uma pessoa admirável.

*Reinaldo Azevedo sempre foi um crítico implacável do PT e dos governos Lula e Dilma. Foi ele quem criou o termo petralha, associando os petistas aos famosos ladrões das histórias em quadrinhos.

**Foto: Twitter

EDUCAÇÃO INCLUSIVA E MOBILIDADE URBANA PARA CADEIRANTES SÃO TEMAS DE REQUERIMENTOS DO VEREADOR RONALDO PACAS

Na manhã do dia 23, durante a 11ª sessão ordinária do primeiro período na Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, o vereador Ronaldo Pacas (PR) conseguiu aprovação unanime para dois importantes requerimentos de sua autoria que solicitam melhorias imediatas da Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe no quesito de educação inclusiva e melhoria de acesso para cadeirantes em equipamento público. 

Através do Requerimento Nº006/2019 o vereador cobra que a Gestão Municipal encontre uma solução para a problemática da ausência de uma escola adaptada para as necessidades de crianças com deficiência. ´´Com isso que busquem a conquista de um projeto que englobe um equipamento capaz de comportar tais demandas`` afirmou o vereador.

O parlamentar já ocupou a presidência da Comissão de Educação e tem em seu discurso desde o primeiro mandato essa pauta. ´´Nossa cidade conta com diversas crianças e adolescentes com algum tipo de deficiência, que hoje estão totalmente desassistidas por parte do Poder Público e não contam com nenhum equipamento de educação pública suficientemente equipado com profissionais, aparelhamento e insumos necessários. Hoje a esfera municipal tenta transferir para as costas do Governo Estadual a obrigação de arcar com as despesas, quando na verdade se mostra obsoleta e desrespeitosa com a causa`` explicou.

Pacas conseguiu ainda a aprovação do Requerimento Nº007/2019, onde solicita que a Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Capibaribe adeque a estrutura da Central de Feiras e Mercados José Amaro Xavier (Zezinho da Farinha) aos cadeirantes. ´´O local não conta com rampa ou nenhum outro tipo de acessibilidade aos cadeirantes. Será que os mesmos não precisam comprar fruta, verdura, carne? É obrigação do Poder Público Municipal ofertar igualdade de tratamento aos seus munícipes`` desabafou Pacas.

A próxima sessão acontece na quinta-feira (25), com início marcado para as 14h. A Câmara Municipal de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe fica na Rua Manoel Rufino de Melo 100 – Centro – Santa Cruz do Capibaribe.

segunda-feira, 29 de abril de 2019

BOLSONARO PERDE APOIO ENTRE OS MAIS POBRES


Do início do mandato até abril, a aprovação ao governo do presidente Jair Bolsonaro caiu mais entre segmentos da população que resistiram a abraçar sua candidatura à Presidência da República. Análise do Estado com base nas pesquisas do Ibope mostra que as quedas mais bruscas na avaliação positiva se deram entre nordestinos e eleitores com baixa escolaridade e renda. Dentre os que se enquadram em um desses segmentos e chegaram a manifestar satisfação, boa parte já pulou do barco. Além disso, o movimento foi mais forte nas capitais.

Segundo Márcia Cavallari, diretora-executiva do Ibope Inteligência, Bolsonaro chegou a ganhar, logo depois da posse, um “voto de confiança” significativo mesmo em setores que, na eleição presidencial, penderam majoritariamente para Fernando Haddad(PT), como os mais pobres e os nordestinos. “Nesses segmentos, porém, a identificação com Bolsonaro é mais frágil”, observa ela. “A partir do momento em que o governo passa pelos primeiros desgastes, essa população manifesta seu descontentamento de forma mais rápida.”
Desde a posse, o governo tem enfrentado disputas entre “olavistas” (seguidores do escritor Olavo de Carvalho, considerado guru de Bolsonaro) e militares na definição de políticas públicas e também dificuldades para construir uma base de apoio no Congresso – com prejuízo para a tramitação de projetos como a da reforma da Previdência.
No Nordeste, de cada dez eleitores que consideravam o governo bom ou ótimo, quatro já mudaram de ideia. No Sudeste e no Sul, esse movimento também se observa, mas com menor intensidade: três e dois de cada dez, respectivamente, já deixaram de manifestar aprovação. Na segmentação do eleitorado por renda, a insatisfação cresce de forma mais veloz nas faixas mais baixas. Entre os mais pobres (que ganham até dois salários mínimos) que aprovavam o governo em janeiro, um terço já mudou de opinião. Entre os que ganham mais do que isso e também viam a gestão como boa ou ótima, apenas um quinto alterou essa percepção.
A queda na aprovação de Bolsonaro também foi mais expressiva nas capitais. Em janeiro, as taxas de satisfação nas capitais e no interior eram próximas: 47% e 51%. Em abril, passaram para 30% e 37%, respectivamente. 
Morador de Salvador (BA), o empresário Vitorino Tourinho votou em Bolsonaro no segundo turno das eleições de 2018. Hoje, considera o presidente “sem preparo”. O empresário está na amostra de eleitores que chegaram a aprovar o governo Bolsonaro e, com o passar do tempo, passaram a ver a gestão com ressalvas
“Sou Bolsonaro por circunstâncias”, diz Tourinho. “O capitão é, na verdade, um soldado, um cara que não tem preparo. Já vimos várias atitudes que demonstraram isso, como o tuíte do golden shower (publicação de Bolsonaro que mostrava um homem urinando em outro durante bloco de carnaval), as brigas com o vice-presidente, a interferência dos filhos. Eles estão jogando contra.”
*Fonte: Jornal Estado de São Paulo