As melhores marcas anunciam aqui

As melhores marcas anunciam aqui

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Boca Preta histórica Jaqueline do Silva adere ao projeto de Lero

O grupo CALABAR recebeu na tarde da última quarta-feira, dia 19/02, um importante reforço para eleição desse ano, trata-se da comerciante Jaqueline do Silva de Cima, conhecida como Jaqueline Vaqueira. O Prefeito Lero esteve na casa de Jaqueline junto com alguns secretários da atual gestão para acompanhar a filiação de Jaqueline ao PSB.

Jaqueline e sua família sempre militou no grupo boca preta mas esse ano irá ser candidata a vereadora pelo grupo calabar, e será uma nova opção para fazer parte da nova legislatura a partir de 2021. "Jaqueline é uma jovem inteligente e que tem boas propostas para nosso município. Ela vai concorrer a uma vaga no legislativo municipal e tenho certeza que ela conseguirá levar a nossa mensagem para as famílias norte taquaritinguenses", disse Lero.

O Prefeito não escondeu a alegria e satisfação de contar com mais uma mulher guerreira em seu palanque.

Lero anuncia mais de meio milhão de reais em asfaltos para Pão de Açúcar

Em um vídeo que está circulando nas redes sociais, o prefeito do município de Taquaritinga do Norte, Ivanildo Lero, anunciou mais de meio milhão de reais em pavimentação asfáltica no distrito de Pão de Açúcar. 

A obra faz parte da segunda etapa do maior programa de pavimentação asfáltica de Taquaritinga do Norte. O gestor esteve na última terça-feira na cidade de Recife em busca de garantir verbas para a Capital do Café. "Desde o início da gestão que temos trabalhado muito para conseguir recursos para Taquaritinga do Norte, e foi assim que conseguimos dar início e estamos executando o maior programa de pavimentação da história de Taquaritinga do Norte e também estamos executando o maior programa de asfaltamento de Taquaritinga do Norte. Isso porque nosso grupo tem compromisso com o trabalho e compromisso em melhorar a qualidade de vida do povo de Taquaritinga do Norte. Dia 02 de março mais seis ruas serão asfaltadas no distrito de Pão de Açúcar", disse Lero.

Essa semana o prefeito também anunciou mais calçamentos em Pão de Açúcar e na comunidade do Silva de Baixo.

CINTHIA VAI IMPLANTAR O SABÃO ECOLÓGICO EM TAQUARITINGA DO NORTE

O óleo de cozinha está entre os principais poluidores do mundo, em um comparativo básico pode se dizer que um litro de óleo tem capacidade para poluir 100 litros de água. Agora, imagine isso multiplicado por cada casa no planeta que também descarta o óleo de maneira indevida. Com esta matemática simples é possível mensurar a atual situação da terra e também a irresponsabilidade dos habitantes com a água potável existente.

Para evitar desperdício e poluição, há uma maneira interessante de reciclar o óleo usado, transformando-o em sabão ecológico. Foi sabendo disso que a Secretária de Ação Social de Taquaritinga do Norte, Cinthia Gonçalves, teve a iniciativa de procurar o idealizador do projeto sabão caseiro, que há 12 anos vem trabalhando na diminuição da poluição do Rio Capibaribe utilizando o óleo de cozinha na fabricação do sabão em barra e distribuindo para famílias em situação de vulnerabilidade social.

Conhecendo o projeto, Cinthia firmou o compromisso de implantar essa iniciativa em Taquaritinga do Norte, buscando articulação com empresas que serão parceiras do projeto e, consequentemente, amigas do meio ambiente.

A ideia é que os coletores sejam instalados em pontos estratégicos do município, como nos CRAS, CREAS, Subprefeitura, onde a população poderá depositar o óleo utilizado na cozinha e a partir daí, a Secretaria de Ação Social fica responsável por direcionar o material coletado para o lugar específico da fabricação do sabão. O sabão fabricado será distribuído para as famílias carentes, entidades como a ONG dos animais, o hospital municipal, escolas, creche, dentre outros locais do município.

As sobras do sabão, uma espécie de borra, será doado para as associações dos agricultores, pois é um material que pode ser misturado ao farelo e dado aos animais.
“A grande quantidade de óleo de cozinha utilizado e descartado de forma incorreta é um problema ambiental mundial. Se hoje nós temos a oportunidade de diminuir os danos ao meio ambiente, é dever nosso buscar e garantir essas alternativas. Afirmo o meu compromisso com esta causa que é tão importante e necessária. A vida é feita de escolhas e as coisas acontecem quando partimos pra ação. Então, ao invés de degradar, eu escolhi preservar o meio ambiente. E convido todas as pessoas para abraçarem essa causa que impacta diretamente a vida de todos nós”, declarou Cinthia.

O projeto será lançado oficialmente no dia 08 de março, no Distrito Pão de Açúcar e no dia 22 de março, em Taquaritinga do Norte.


ALERTA DO JORNAL EL PAÍS AOS BRASILEIRO

Por Adriano Machado, da agência Reuters

Os covardes machistas podem fingir que não são covardes machistas, mas em algum momento eles se revelam. E não há momento mais oportuno para os atores públicos do Brasil mostrarem que não o são, longe de serem coniventes com a baixaria empreendida pelo presidente Jair Bolsonaro contra a repórter Patrícia Campos Mello, da Folha de S.Paulo, na manhã desta terça-feira. 

Num país em que 52% do eleitorado é feminino, deputados e senadores deveriam ficar alertas. Eles têm a grande oportunidade de mostrar que não vão deixar a vulgaridade assumir o Brasil, rasgando todo e qualquer senso de decência do Estado em relação a uma mulher, deixando que se propague uma mentira orquestrada dentro do Congresso. Deixem de lado o fato de Patrícia ser jornalista. Ela é mulher. Poderia ser uma economista, uma copeira, uma faxineira, uma jogadora de futebol. Ela foi exposta com insinuações sexuais por um presidente, como nunca o Brasil viu. Ele não está na mesa de bar com amigos, está na frente das televisões dizendo que Patrícia queria “dar um furo a qualquer preço”, sugerindo sexo em troca de informação que é o mesmo que chamar uma mulher de prostituta. Só uma cabeça pervertida pode se sentir tão à vontade para dizê-lo em alto e bom som.

Nunca na democracia um chefe de Estado havia caído tão baixo apelando à vulgaridade para falsear a realidade. Quiçá no mundo. Nem Donald Trump chegou a tanto. O Congresso tem as provas à mão para admitir que Hans River do Rio Nascimento mentiu na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI). A insinuação asquerosa de Bolsonaro, pai de uma filha de 9 anos, chega a um patamar nunca visto no Brasil. Todo mundo sabia do que Bolsonaro era capaz, desde que ele xingou uma repórter em abril de 2014. Mas editou a si próprio para fazer sua campanha e venceu. Legitimamente. Desde então, empreende uma guerra grosseira, agressiva e mentirosa contra a realidade para esquivar-se de suas próprias capivarasA morte de Adriano da Nóbrega, que convenientemente morreu nas mãos da polícia da Bahia, governada pelo Partido dos Trabalhadores, foi um presente no colo de Bolsonaro que agora se tornou o maior defensor de presos assassinos, embora repetisse sempre que “direitos humanos era para humanos direitos”, e seja um dos que faz coro ao jargão “bandido bom é bandido morto”. De onde vem essa mudança? Os homens públicos deste país, empresários e agentes da Justiça vão deixar que o que já se construiu em termos de sociedade vá para o ralo? Em nome de quê?

Senhores deputados e senadores, vocês podem ter um papel tremendamente decisivo neste início de 2020. Pelas suas filhas, pelas suas mães, pelas suas eleitoras, pelas suas irmãs. Não desprezem a construção que mulheres têm feito até aqui por um país mais decente e menos violento. A violência das palavras de um chefe de Estado reverbera em todas as esquinas e rincões do Brasil. Já se matam uma mulher a cada duas horas aqui, um estupro acontece a cada 11 minutos. Tenham decência, coragem, de estancar esta sangria desatada que abriu as portas para uma perversidade gratuita. Vocês foram eleitos para que o Brasil fosse um país melhor, mais próspero, mais respeitado, mais ético. Não há melhora onde uma mentira é naturalizada na Casa em que vocês representam cada brasileira. Não há prosperidade num país onde se quer estabelecer o medo como forma de governo. Não há respeito por um país que fecha os olhos e silencia diante dos disparates que estamos assistindo. Isso também é corrupção. Corromper seu papel público em nome do poder.

*Fonte: Jornal El País.

FÁTIMA BERNARDES REPROVA ATITUDE DO PRESIDENTE

Jornalista Fátima Bernardes, que nunca foi de expressar opiniões políticas e serve à TV Globo há muitos anos, não se aguentou e hoje, em seu programa “Encontro”, pela manhã, criticou a postura do presidente Jair Bolsonaro, pelas declarações em relação a uma repórter do jornal Folha de São Paulo.

Numa entrevista, ao se referir à profissional paulista, o presidente usou um tom jocoso, insinuando que a repórter “quer dar o furo a qualquer preço”.

Atitude misógina do líder da extrema direita foi um dos principais  assuntos no Twitter hoje e foi abordada em editorial da Folha, em toda imprensa nacional e no espanhol El País.

Fátima Bernardes disse que seu programa que é muito triste ver o ataque do presidente brasileiro a uma jornalista respeitada. Ela lembrou que Bolsonaro deve governar para todos os brasileiros, respeitando as mulheres.

Apresentadora global ainda comparou o comportamento do político ao de um motorista de aplicativo que assediou sexualmente uma passageira.

“Tenho certeza de que a declaração de Bolsonaro não deixa só a mim, mas as jornalistas, as mulheres em geral, indignadas. Não vai vai ser essa atitude, porém,  que irá impedir todas de continuar lutando”, comentou Fátima e sua fala teve grande repercussão em todo o Brasil.

DOUGLAS COSTA SE FILIA AO PSD E INICIA SUA PRÉ CAMPANHA PARA AS ELEIÇÕES 2020

Na última sexta-feira (14), um café da manhã foi realizado na residência do ex prefeito de Toritama, Odon Ferreira, para anunciar o seu apoio ao pré candidato a prefeito da capital do jeans, Arimatéa Carvalho. A ocasião também foi cenário para a filiação de Douglas Costa ao Partido Social Democrático (PSD), iniciando a sua pré campanha para as eleições de 2020. Em suas redes sociais, Douglas declarou as motivações para o início dessa nova fase em sua vida: 

“Esta nasce a partir do desejo de contribuir ainda mais para o desenvolvimento do nosso município, estando ainda mais próximo do povo e me colocando a disposição para ouvir e atender as demandas da nossa gente. Sou uma pessoa comum, como qualquer outro, que vai estar dialogando e lutando junto ao povo para termos um espaço de representatividade, de forma legítima e honesta. Se queremos renovar a política, precisamos começar na base!”
Douglas oficializou a sua filiação ao PSD ao lado do Deputado Federal e atual presidente da sigla em Pernambuco, André de Paula.

Douglas Costa é administrador, consultor, professor universitário, empreendedor, foi secretário de governo na gestão de Odon Ferreira e atualmente é assessor da Câmara Municipal de Toritama.

UNIÃO TEM “DÍVIDA” DE R$ 51 MILHÕES COM MUNICÍPIOS PERNAMBUCANOS

 A primeira assembleia da Associação Municipalista de Pernambuco (AMUPE), realizada ontem (terça-feira) discutiu a dívida da União com a Assistência Social dos municípios, que chega a casa dos R$ 51 milhões. A vice-presidente da AMUPE e prefeita de Surubim, Ana Célia, juntamente com a vice-presidente do Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social (COEGEMAS), Penélope Andrade, falaram com os prefeitos sobre a situação.

 O atual modelo de gestão instituído pela Política de Assistência Social por meio da Lei Orgânica de Assistência Social – Loas (Lei 8.742/93) estabelece a participação dos entes federados tanto no processo de estruturação da rede de serviços e programas da assistência social, quanto no apoio técnico e financeiro, por meio do cofinanciamento federal. No entanto, o orçamento do (SUAS) apresenta quedas anuais, contingenciamento e monitoramento da execução orçamentária e financeira.

 Esse cenário de priorização de repasses aos municípios com menor saldo em conta está gerando uma dívida do Governo Federal para com os municípios. Para a presidente do COEGEMAS, Penélope Andrade, “Ontem foi para o CONGEMAS um dia muito importante de articulação institucional, porque a gente conseguiu pautar o desfinanciamento do (SUAS) num espaço representativo muito importante que é a AMUPE. É uma realidade só dos secretários de Assistência Social, é uma realidade que afeta diretamente os prefeitos. Porque quando a gente tem uma política pública desse porte que é desfinanciada, o rebatimento, sobretudo financeiro, recai sobre os municípios”, completou Penélope.

 Há repasses para municípios do estado em atraso desde o ano de 2017, como é o caso de Belo Jardim, que já soma mais de R$ 500 mil reais em atraso, todavia, há casos de Municípios com atraso significante, ultrapassando a marca de R$ 2 milhões de reais, como Recife, e R$ 1 milhão de reais, como Caruaru (R$ 1.908 milhão), Paulista (R$ 1.709 milhão) e Olinda (R$ 1.462 milhão), segundo informações da Confederação Nacional de Municípios (CNM).
 “O esforço dos gestores municipais para manter em funcionamento a rede de serviços do (SUAS) é o que vem garantindo à população o atendimento mínimo, mas o que se espera do Governo Federal é o compromisso com a área social, honrando o pagamento do cofinanciamento dos serviços e programas do (SUAS). A AMUPE vai continuar monitorando os atrasos e informando seus Municípios para que esses possam, junto ao Governo Federal, pleitear o pagamento das parcelas a que tem direito”, disse o presidente da AMUPE, José Patriota.
Do: Blog Agreste Notícia

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020

'Dia D' contra o sarampo em Taquaritinga do Norte vai ser no sábado (15)

O "Dia D" da vacinação contra o sarampo em Taquaritinga do Norte vai ser amanhã sábado (15). Em Taquaritinga do Norte, será possível tomar a vacina em todos os PSFs do município.

De acordo com a Secretaria de Saúde do Município, as unidades de saúde ficarão abertas das 8h até as 17h. 

Pessoas entre 6 meses a 59 anos devem tomar a vacina. O "Dia D" ocorre em todo o país, já que é uma ação da campanha nacional de vacinação contra o sarampo.

Importância da vacina - A Tríplice Viral é uma injeção que é aplicada de forma subcutânea e previne contra sarampo, caxumba e rubéola. 

TIME DE AFOGADOS DA INGAZEIRA FAZ HISTÓRIA

Time de futebol de Afogados da Ingazeira, que tem o mesmo nome da cidade, fez história nesta quinta-feira à noite, dia 13 de fevereiro.

Com apenas seis anos de fundado e participando pela primeira vez de competição nacional, o Afogados jogou pela Copa do Brasil contra o Atlético do Acre e não tomou conhecimento do adversário: venceu a partida, disputada no Sertão de Pernambuco, pelo placar de 3 tentos a 0.

Com a vitória, o time pernambucano embolsou uma premiação de R$ 650 mil, valor bem superior à folha salarial do clube.

Por conta da classificação, diante de sua torcida, o Afogados joga na próxima fase, também em seu estádio, contra um dos grandes clubes do futebol brasileiro, o Atlético Mineiro.

Também classificado na Copa do Brasil, após vencer o Toledo fora de casa, por 2 x 0, o Náutico Recife terá como adversário na próxima fase o Botafogo do Rio e Janeiro. Partida será na capital pernambucana, quarta-feira que vem.

Já o Sport, decepcionou sua torcida e perdeu para o modesto Brusque, de Santa Catarina, por 2 x 1 e saiu logo na primeira fase do torneio.

A derrota do Leão da Ilha levou à demissão do técnico Guto Ferreira, que o ano passado foi campeão pernambucano e levou o time à série A do brasileirão.

*Foto: Jornal do Commercio.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

4º Copa Pão de Açúcar de Futsal teve início no último sábado 08

A Quadra José Edson Bezerra no último sábado (08/02), em Pão de Açúcar, foi palco da abertura de mais um campeonato realizado pela Prefeitura de Taquaritinga do Norte a 4º Copa Pão de Açúcar de Futsal. 

A equipe do Guarani, atual bicampeã estreou com uma goleada por 9x1. O campeonato que está sendo disputado em três categorias teve mais três jogos no sábado e mais quatro jogos no domingo pela manhã.


O público, que esteve presente nos dois primeiros dias de competição assistiu a grandes jogos. A Prefeitura que dá toda estrutura ao campeonato, esse ano em parceria com a DINAMICFISIO, disponibiliza fisioterapeutas durante as partidas do campeonato, uma inovação em toda região. A parceria que além de prestar assistência durante o campeonato se estende pós competição caso algum atleta necessite. 

Nas arquibancadas, o público, formado por famílias e os amantes do futebol em Pão de Açúcar, fizeram bastante barulho em apoio as equipes. A organização do evento ficou por conta da Diretoria de Esportes e Lucimário. “Esse é mais um campeonato realizado pela Prefeitura de Taquaritinga do Norte que tem investido muito no esporte e que com certeza será sucesso. Esse ano o campeonato tem três categorias, a aberta, a master e a categoria de amigos de 30 a 40 anos. Quero aqui agradecer a Berone da Tribus de Guerra e a Fábio da DINAMICFISIO que estão em parceria com a prefeitura para realização do campeonato. Também agradecemos ao deputado Diogo Moraes que tem cedido o carro de som e a todos os atletas que sem eles não tem como realizar a competição. Esse ano estamos homenageando o nosso amigo Sukita, que faleceu recentemente e que sempre foi um amante do futebol. Tenho certeza que todos estão satisfeitos, desde o público aos atletas, vamos continuar dando o máximo para que o campeonato chegue até o final com o mesmo brilhantismo da abertura", falou Lucimário. 

Os jogos da 4º Copa Pão de Açúcar de Futsal acontecem todos os sábados à noite e nos domingos pela manhã. A final acontecerá no mês de março e até lá terá apenas a pausa para o carnaval.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2020

PEDRO BIAL PEDE PAZ AOS SEUS CRÍTICOS

Depois de ser atacado na mídia e redes sociais, por comentários a respeito do filme “Democracia em Vertigem”, o jornalista Pedro Bial, da TV Globo, escreveu um artigo, no jornal impresso da família Marinho, pedindo paz  e acenando com a bandeira branca.

Pedro procurou amenizar as críticas à cineasta e chegou a elogiar o documentário, indicado para o Oscar, mas que perdeu a estatueta para o filme “Indústria Americana”.

Jornalista garantiu ter torcido para que o longa brasileiro ganhasse o prêmio da Academia de Hollywood, argumentando que isso seria bom para o Brasil.

Pedro Bial, em seu artigo, fez críticas ao governo federal pelo posicionamento contra o documentário de Petra Costa.

O governo, de acordo com Bial, sofre de um “retardo mental”.

Uma das crítica mais fortes ao apresentador foi feita pela jornalista Cristina Serra, sua ex-colega na Globo. 

*Foto: Portal Comunique-se.

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2020

Eduardo chegou na Bahia dois dias antes da morte de Adriano

O deputado esteve na Câmara Municipal de Salvador, na sexta-feira, e segundo fotos em suas redes sociais, ainda estaria na capital da Bahia, no mesmo dia em que o miliciano Adriano da Nóbrega, ligado ao seu irmão Flávio, foi assassinado.
Eduardo Bolsonaro (Reprodução/Flickr)
Revista Forum - O Colunista
Por Cleber Lourenço

O deputado federal e líder do Partido Social Liberal (PSL) na Câmara dos Deputados, Eduardo Bolsonaro, esteve na manhã da última sexta-feira (7), na Câmara Municipal de Salvador, na sessão especial em homenagem aos combatentes da segunda guerra mundial, proposta pelo vereador Alexandre Aleluia (DEM).
Eduardo ainda permanece em Salvador, vale frisar, porém, que dois dias após sua chegada na capital baiana, o miliciano Adriano Magalhães de Nóbrega foi morto em uma operação da polícia na cidade de Esplanada, na região rural do Estado da Bahia, que está a cerca de 4h de distância da capital Salvador.
O miliciano possuía ligações com o Flávio Bolsonaro, irmão de Eduardo, e também estava envolvido no caso de assassinato da vereadora Marielle Franco, e seu motorista, Anderson Gomes.
Segundo uma reportagem do jornal Estadão, Adriano estava convencido de que queriam matá-lo, não prendê-lo. Nos últimos dias, tanto ele quanto sua esposa relataram ao advogado de ambos que tinham certeza de que havia um plano de “queima de arquivo” em curso contra o ex-policial militar.
A defesa do miliciano ainda nega que ele estivesse armado no momento em que foi morto.
Ao que tudo consta, Eduardo permanece na Bahia. Uma hora antes da publicação dessa nota ele publicou alguns stories em seu Facebook e Instagram caminhando pelas praias da região.
Eduardo inclusive suspendeu, na mesma sexta-feira, sua agenda pela região Nordeste, conforme vídeo divulgado para seus apoiadores.

Maia a favor da taxação das grandes fortunas

Reforma tributária
Foto: Jorge WilliamJorge William | Agência O Globo
O Globo Por Lauro Jardim

O imposto sobre grandes fortunas e a taxação de lucros e dividendos está na agenda de Rodrigo Maia para a reforma tributária.
É uma agenda, aliás, que une a esquerda e parte do Centrão.
E, para a felicidade de Paulo Guedes, Maia deve trabalhar também para começar a desmontar os benefícios fiscais da Zona Franca de Manaus.

MP que reduz autonomia na escolha de reitores pode ser derrubada

Câmara dos DeputadosCâmara dos Deputados | Jorge William
O Globo - Por Lauro Jardim

A Câmara vai derrubar a MP editada em dezembro que reduziu a autonomia das universidades para a escolha dos reitores.
É mais um carinho que o parlamento fará em Abraham Weintraub, que recentemente foi definido por Rodrigo Maia como "um desastre".

Derrotado + Derrotado = derrota

Time de derrotados que soma oito derrotas
Diferente da matemática que menos com menos é mais, na política menos com menos é menos. Na última semana o ex vereador de Taquaritinga do Norte, Jânio Arruda (PSD), derrotado nas últimas cinco eleições que disputou, rompeu com o governador Paulo Câmara (PSB) e se juntou ao também derrotado Armando Monteiro Neto (PTB).

Obedecendo a uma ordem de Batata, Jânio se reuniu com Armando e anunciou a ida do PTB para sua coligação, como se isso fosse uma coisa grandiosa, mas é o que a oposição de Taquaritinga do Norte tem a apresentar na falta de propostas.

A junção de Jânio penta derrotado, com Armando Monteiro bi derrotado vai juntar no mesmo palanque um festival de derrotados em 2020. Na foto também aparece o ex vereador Batata, que vem se mostrando um péssimo articulador, pois tem levado não em cima de não quando tentar apresentar um candidato que está na política a mais de trinta anos e que tem cinco derrotas sendo duas tentando se reeleger. A saída de Batata tem sido mentir e prometer o que não pode cumprir. 

JORNALISTA CRISTINA SERRA ARRASA COM PEDRO BIAL

Jornalista e ex-repórter da TV Globo, Cristina Serra saiu em defesa de Petra Costa, que concorre ao Oscar por Democracia em Vertigem, após os ataques à cineasta desferidos pelo antigo colega de emissora, Pedro Bial.
“Eu achava que ele sabia usar bem as palavras. Mas, por que ainda me surpreendo… Bial escreveu a ‘biografia’ do patrão e por quase vinte anos apresentou um lixo chamado ‘BBB’. A cada crítica desse tipo que recebe, Petra Costa sai engrandecida. Já o tal Pedro Bial… deixa para lá”, escreveu a jornalista, em breve artigo no portal Comunique-se, referindo à biografia que Pedro Bial escreveu sobre Roberto Marinho.
Para Cristina, “Democracia em Vertigem mostra o que aconteceu recentemente no Brasil e explica, em boa medida, como chegamos aonde chegamos” e, por isso, teria despertado “a ira, a inveja e o despeito de muitos”.
“Bial não poderia ter sido tão grosseiro na crítica que fez ao filme, usando os termos rasteiros que usou”, afirma.
Em entrevista a uma rádio do Rio Grande do Sul, Bial disse que Petra é uma “ótima cineasta”, mas que o filme é uma “ficção alucinada” e conta mentiras. (Fonte: Revista Fórum). 
O Filme de Petra Costa ganhou prêmios em vários festivais pelo mundo, conquistou o respeito nacional e internacional e foi indicado ao Oscar na categoria documentário.

O NÓ NO TRÂNSITO DAS CIDADES - Por Marília Arraes

As grandes cidades brasileiras, e mesmo aquelas de médio porte, voltaram a vivenciar no mês de fevereiro uma realidade ainda mais difícil no trânsito após o retorno às aulas. O aumento no número de carros nas vias urbanas, com o início das atividades escolares é um acontecimento previsível, com data certa para começar, todos os anos. Mas a previsibilidade não nos livra do caos.

A pergunta que devemos fazer é: os órgãos de controle do trânsito vêm se preparando adequadamente para organizar e minimizar o impacto dessa entrada em massa de veículos no nosso cotidiano? As gestões nas cidades têm feito a sua lição de casa?

Na minha cidade, Recife (PE), a resposta para esta pergunta, infelizmente, é não. No começo de fevereiro manchetes de jornais, matérias na TV e flashs ao vivo nas rádios noticiavam o que parecia ser uma calamidade pública, a volta de 250 mil carros particulares às ruas. Algo comparável aos alagamentos que também afligem a capital pernambucana. Isto quando os dois fenômenos não se conjugam: trânsito e chuva.

O início das aulas marcou o encontro do Recife com a sua realidade cotidiana, a de uma cidade travada. Com uma população de mais 1,6 milhões de habitantes, Recife tem o trânsito mais congestionado do Brasil e o 3° pior da América do Sul, de acordo com o levantamento realizado pela empresa TomTom Traffic. Na América do Sul, apenas Bogotá, na Colômbia, e Lima, no Peru, apresentam níveis piores de engarrafamento. Hoje, a cidade tem 712,5 mil veículos registrados, dentre automóveis, veículos de carga (caminhão e caminhonete), ônibus e motocicletas.

O transporte público – ônibus, trem e metrô -, que poderia contribuir para tirar os carros particulares da rua, também parou no tempo, maltratando o passageiro com um sistema precário, desconfortável e caro. Pesquisa realizada no final de 2019 pelo Moovit, um aplicativo que indica horários de circulação do transporte público, mostra que os usuários de ônibus e metrô de Recife são os que perdem mais tempo, num comparativo entre 10 regiões metropolitanas do País,

Os recifenses esperam, em média, cerca de 25 minutos até conseguirem embarcar para ir de casa para o trabalho ou para a escola, o que coloca a cidade na sétima posição no ranking mundial de tempo perdido em deslocamentos no transporte público.

No Brasil, o tempo desperdiçado nos trajetos casa-trabalho-casa rendem um prejuízo de mais de R$ 111 bilhões à economia, aponta um estudo elaborado pela Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan).  O valor é referente ao que deixou de ser produzido na economia em razão do tempo perdido – 114 minutos em média - por mais de 17 milhões de trabalhadores. Este número, por si só, revela o equívoco do estímulo que ainda se dá à aquisição do carro próprio em detrimento de mais investimentos no transporte público.

A receita para um trânsito saudável e civilizado está dada há pelo menos duas décadas: educação e conscientização, transporte público decente e mais investimentos na infraestrutura de ciclovias, ciclofaixas e outros modais alternativos, a exemplo do tráfego por rios. E aqui cito novamente o caso do Recife, que há anos sonhou com a possibilidade de ter seus cidadãos se locomovendo pelo Rio Capibaribe com a implantação de um projeto de navegabilidade que já custou R$ 77,59 milhões aos cofres públicos (entre recursos da União e do Estado), mas que está parado e com ares de completo abandono.

A péssima qualidade do trânsito no Brasil é um problema de falta de gestão, de ausência de visão e, no final, de aprofundamento de desigualdades. Sem transporte público eficiente as pessoas não vão, não chegam.

O estudo sobre Desigualdades Socioespaciais de Acesso a Oportunidades nas Cidades Brasileiras – 2019, desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e o Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP) escancara esta questão. Os resultados obtidos pelo Ipea e ITD apontam que a periferia é quem paga a conta. É nela onde estão os excluídos das oportunidades porque, em geral, o transporte público e as ciclofaixas não chegam. E, por consequência, as oportunidades de emprego, saúde e lazer também não são oferecidas de forma igualitária, num ciclo perverso e viciado.

Não podemos esquecer que o transporte é um direito e, também, um meio do cidadão acessar outros direitos. Nosso crescimento pessoal e profissional e nossa qualidade de vida também ficam comprometidos com uma realidade cotidiana de ruas travadas. O trânsito também pode congestionar as nossas vidas. 
  
*Artigo de Marília Arraes, deputada Federal pelo PT de Pernambuco, foi publicado originalmente na Revista Carta Capital. O blog recebeu o texto da assessoria da parlamentar.

*Na foto do Jornal El País, Recife, que tem um dos piores trânsitos do mundo.

O QUE NOS TEM A DIZER A ORIGEM DO BARROCO ALEMÃO

Por Michel Zaidan Filho

Por sugestão do meu amigo e blogueiro José Luiz, fui reler a tese de livre-docência de Walter Benjamin, "Origem do Drama Barroco Alemão". Texto reconhecidamente difícil de ler e entender, até mesmo para a banca que tentou examiná-lo. Mas a importância  e a atualidade do livro estão muito presentes hoje no debate sobre a crise da democracia brasileira; mais ainda depois da indicação ao Oscar de melhor filme estrangeiro do documentário de Petra Costa. Sabe-se que o autor buscou, na época, um diálogo com o teórico conservador  Carl Schmidt, teórico do "estado de Exceção e do decisionismo político". O que a obra tematiza com bastante clareza é a relação ideológica  estreita  entre o estilo barroco e o absolutismo, como produto da Contrarreforma. As alegorias barrocas (para não dizer " a razão política barroca") referem-se  ao poder incontrastado dos monarcas e tiranos absolutistas, como já tinha assinalado uma das grandes autoridades da história da arte, Henrich Wolfflin, numa interpretação que se tornou clássica e que reabilitou o barroco, como escola artística de igual dignidade a do classicismo.


O que chama a atenção no livro de Benjamin   é  que o Barroco alemão(e o geral) está associado à ocorrência de regimes políticos autocráticos, como em sua época estava por acontecer com o advento do regime nazista na Alemanha, com o fim da República Weimar. A terrível alegoria da obra, em sua aparente distância do momento presente vivido pelo autor, falava de sua época, da  crise política dos anos 20 e o advento de um regime de terror. Segundo  Benjamin,  a concepção barroca da História se caracteriza por um estado de exceção, onde o principe ou o monarca tem a história nas mãos e  sua finalidade  é  estabilizar politi camente a sociedade, combatendo as revoltas e a  oposição. O ideal do déspota absolutista é a naturalização da História e a estabilização da sociedade. Naturalmente que ele fará isso em nome da prosperidade econômica, cultural e científica da comunidade; mas à custa de um poder desmedido e da eliminação do contraditório e da oposição. Nisso, a concepção  absolutista do poder se identifica com a visão barroca  da própria natureza, representada pelas etapas de sua decadência e morte. A visão barroca do mundo é um amontoado de ruínas, de sofrimento e  tristeza.
                                             
Tudo isso pareceria muito religioso e medieval se não fosse pelo fato de que nossa país ter sido acometido de um retrocesso  medieval na política,  na arte, na ciência e   nos costumes. É como se uma impostação do ascético Savonarola aparecesse, de saias, para purificar moralmente  a sociedade brasileira, enquanto  o simulacro de déspota vai fazendo o trabalho de sapa das instituições, dos direitos  e do patrimônio publico  do povo brasileiro. Estaríamos diante de um estado (caricato) de um tirano - moralmente conservador -  mas instrumentalizado pelo fundamentalismo do mercado internacional? - Deparamo-nos com um asceta a serviço de interesses econômicos antinacionais, ant ipopular es e antidemocráticos? - Neste aspecto, a benção e a sagração das igrejas pentecostais e neopentecostais viriam a calhar (em troca de favores) na beatificação desse ensaio de bonapartismo de direita.

De  toda maneira, as sugestões do livro são muito eloquentes, comparando-as com as características fascistas, autoritárias e ultraliberais desse regime que  ora  nos desgoverna. Não deixa de ser tentador aplicar os elementos dessa concepção barroca da Política e da História ao  caso  brasileiro. Quem escreverá - com êxito - este novo livro sobre o drama barroco brasileiro?

CLAUDIANO PODE ASSUMIR SECRETARIA DE AGRICULTURA

Com a provável candidatura de Marília Arraes na capital, o PT deve entregar os cargos que ocupa na Prefeitura do Recife e Governo de Pernambuco. 

Nesse caso, as vagas poderiam ser assumidas pelo PP, partido que tem 11 deputados estaduais e o presidente da Alepe, Eriberto Medeiros.

Assim, não é à toa que na capital e no interior o nome do deputado Claudiano Martins, do Partido Progressista e com forte ligação com os produtores rurais é considerado uma boa opção para a Secretaria de Agricultura.

terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

VICE-PREFEITO É FLAGRADO RECEBENDO PROPINA EM VERTENTES

 Em Vertentes, Agreste Setentrional de Pernambuco, o sábado (01) foi marcado por um grande protesto da população contra o fechamento do único hospital do município, o Hospital Memorial Jaime Santana.

 A diretoria do hospital não mediu palavras ao fazer fortes acusações, com vídeos e áudios, apontando o pagamento de propina, para o prefeito Romero Leal (PSDB) e vice-prefeito Helder Correia (PSDB), denunciando a corrupção da gestão do município como responsável pelo fechamento da instituição. Assista:


 Igor Miranda, ultimo candidato a prefeito pela oposição no município, marcou presença e, em suas palavras, garantiu que vai cobrar uma das autoridades competentes a apuração das acusações e a punição dos responsáveis.
 Além do vídeo que aparece o vice-prefeito recebendo propina, áudios revelam a negociação. Ouça:

      
Em resposta, o prefeito Romero Leal realizou uma live em sua página no Facebook realizando diversas críticas a direção do Hospital e fez diversas acusações, inclusive de tentativa de extorsão. Confira:

         
Inconformados com o fechamento do Hospital e Maternidade de Vertentes (Memorial Dr Jaime Santana), que fica no centro da cidade de Vertentes, um bom número de pessoas se reuniram na frente da unidade na manhã do sábado, para expressarem a revolta com a paralisação das atividades. Desativado na sexta-feira, dia 31 de janeiro deste ano, com a justificativa dos gerem esta entidade que com o não repasse das verbas da prefeitura municipal o hospital não teria como continuar a atender a população, o hospital segue fechado e sem previsão de ser reaberto. 

Por volta das 11h, a equipe responsável pela direção do hospital, encabeçado pela Dra. Niedja Santana e seu filho Bruno Rushanski e o advogado, Dr. Paulo Lima fizeram uma transmissão através de uma página no Facebook e deram os devidos esclarecimentos sobre o porquê da não renovação do convênio entre a Secretaria Municipal de Saúde e o Hospital e Maternidade Memorial Dr. Jaime Santana em Vertentes.


         
Do: Blog Agreste Notícia